Whatsappinite e os riscos de usar muito do celular

0
705

Inflamação nos tendões provocada pelo uso excessivo de smartphones ou tablets pode limitar atividades e já preocupa médicos especialistas em mãos.

Você tem smartphone? Costuma usar muito este aparelho? Então, saiba que eles podem causar lesões sérias nos polegares, punhos e mãos, decorrentes dos movimentos excessivos e repetitivos dos músculos e tendões.

A revista médica The Lancet descreveu o primeiro caso de whatsappinite, inflamação nos tendões causada pelo uso demasiado dos smartphones e do aplicativo WhatsApp. O caso foi descrito por uma médica da Espanha e aconteceu com uma mulher de 34 anos.

O cirurgião da mão, Dr. Luiz Eduardo Barreiros, da clínica Doutores das Mãos disse que a frequência de pacientes com dores nas mãos no consultório aumentou “Muitos profissionais transformaram o smarthphone em escritório. O problema é que esses aparelhos não foram adaptados pra um uso tão constante.”

Segundo o Dr. Gustavo Melo, que também é cirurgião da mão na clínica,  “Para cada clique que o polegar realiza, há um movimento de extensão que, em excesso, acaba por causar microlesões no tendão extensor.” – alerta.

Ele explicou, ainda, sobre os problemas que esse excesso pode causar “A primeira complicação é a mialgia, que é uma dor nos músculos das mãos. Depois, ela pode evoluir para a artrite, inflamação da articulação do polegar. Por último, pode acontecer a tendinite, que é a inflamação dos tendões do polegar.”- afirma.

 Prevenção

Os médicos das mãos nos deram algumas dicas de como prevenir lesões nos polegares:

  • Não digitar com a mesma mão que segura o aparelho e, quando possível, apoiar o celular em uma mesa, por exemplo;
  • Usar as duas mãos para digitar;
  • Acionar o sistema T9 ou adivinha, para economizar esforço na digitação, ou ainda optar pelo reconhecimento de voz ou pelo envio de áudios no WhatsApp;
  • Para quem trabalha ou depende do uso excessivo do aparelho digitando mensagens, eles recomendam que faça pausas regulares ao longo do dia e que alongue os punhos. A busca de profissionais que o orientem com exercícios que fortaleçam a musculatura das mãos também é importante para prevenir lesões de quem digita no celular demasiadamente.

Tratamento

O tratamento para esse tipo de lesão normalmente associa a diminuição do uso do aparelho com fisioterapia e a ingestão de anti-inflamatórios.

Os médicos de mão Dr. Luiz Eduardo e Gustavo Melo atentam para a importância do diagnóstico precoce. “ Os sintomas mais comuns são a contratura muscular (músculo preso, travado), limitação dos movimentos das articulações e a dor.  Quando diagnosticados no início as inflamações são reversíveis mas se não forem devidamente tratadas podem danificar tendões e articulações, o que em determinados casos pode exigir procedimentos cirúrgicos.” – alertam.

Segundo os especialistas, ao primeiro sinal de problemas, procure imediatamente um cirurgião da mão.

O que é um Cirurgião da Mão?

Muitas pessoas e até mesmo médicos desconhecem a especialidade Cirurgia da Mão. Normalmente, os pacientes com doenças ou outros tipos de problemas nas mãos e punhos procuram por ortopedistas ou só encontram um profissional especializado em mão em casos muito críticos.

Atualmente a Cirurgia da Mão é uma especialidade médica reconhecida pelo MEC, com residência médica própria e duração de dois anos. Para cursá-la, o médico deve ter concluído os seis anos de formação geral em medicina e mais três anos de residência médica em Ortopedia ou quatro anos em Cirurgia Plástica. É uma especialidade que alia conhecimentos nas áreas de ortopedia, neurologia e cirurgia plástica.

O especialista em Cirurgia da Mão está habilitado a reparar e reconstruir lesões ósseas, tendinosas, ligamentares, nervosas, musculares e de cobertura da pele, nas mãos, punhos e cotovelos. Também se aprimora no tratamento das doenças degenerativas (artroses e desgastes ligamentares e tendinosos) e congênitas nas mãos e punhos. Ele está apto a reparar as lesões de nervos periféricos não só nas mãos, mas em todo o corpo, realiza os reimplantes de segmentos amputados e as transferências de tecidos à distância, chamados retalhos microcirúrgicos.

Sobre os Doutores das Mãos    

A Clínica Doutores das mãos é pioneira e a única especializada em Cirurgia da Mão em Volta Redonda e na região Sul Fluminense e atua desde 2012. Presta atendimento cirúrgico e de terapia da mão pós traumas, ferimentos cortantes, neuropatias periféricas, fraturas, doenças adquiridas (tendinites, bursites, artrite, etc) e doenças congênitas.

A chave do êxito veio com o tempo e decorrente da seriedade no atendimento, do respeito aos pacientes, da qualificação profissional da equipe:

 Dr. Luiz Eduardo Barreiros

Formado em medicina pelo UniFoa em 2003, especializado em Ortopedia desde 2007 e se especializou em cirurgia da mão em 2009. É membro da Sociedade Brasileira de cirurgia da mão e do Grupo de Cirurgia da Mão no Hospital Estatual de Traumato-ortopedia Dona Lindu (HTO/DL), referência estadual em cirurgias ortopédicas.

Dr Gustavo Melo

Formado em medicina pelo UniFoa em 1999, atua desde 2003 como Ortopedista e desde 2005 como especialista em Cirurgia da Mão. É Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia da Mão (SBCM) e do Grupo de Cirurgia da Mão no Hospital Estatual de Traumato-ortopedia Dona Lindu (HTO/DL), referência estadual em cirurgias ortopédicas.

Endereço: Shopping – 33 Rua 40, nº 14, Torre 2, sala 1518, Vila Santa Cecília

Telefone: (24) 3343-7592 / 98864-0706

 

Whatsappinite e os riscos de usar muito do celular
Avalie nosso conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu Nome