A avançada técnica CLaCS (Cryo-laser & Cryoescleroterapia), combina o uso do laser associado à escleroterapia líquida (convencional) para o tratamento de vasinhos e até de algumas varizes mais grossas. O método tem diversas vantagens, como ser menos doloroso (pelo uso de um aparelho de resfriamento da pele) e por apresentar resultados mais rápidos, na maioria dos casos.

O angiologista de Volta Redonda, Dr. Luis Fernando Lima, do Centro Integrado de Angiologia (CIA), nos explicou tudo sobre o assunto. Confira, a seguir, o que é o CLaCS, como ele é realizado e para quem o tratamento é indicado.

O que é CLaCS?

O termo vem do inglês Cryo-Laser and Cryo-Sclerotherapy ou, em português, Criolaser e Crioescleroterapia. O tratamento utiliza duas técnicas combinadas: a ação do laser com a aplicação convencional.

O Dr. Luis Fernando explica: “No ClaCS utilizamos o laser transdérmico associado a aplicação convencional, com glicose na concentração de 75%. Além disso, promovemos o resfriamento concomitante da pele com jatos de ar frio produzido por um aparelho resfriador, que emite jatos frios de até 20° C negativos, diminuindo sensivelmente a sensação dolorosa.” – Explica.

Dessa forma, juntam-se dois tipos de ações. A ação física (do laser) e a ação química (da solução aplicada), melhorando a eficácia do procedimento.

Leia também: Varizes E Vasinhos: Conheça Os Principais Tratamentos

Quais os benefícios do CLaCS?

Por utilizar duas técnicas em conjunto na mesma sessão (aplicação + laser), é possível obter um maior sinergismo em busca do resultado.
Veja os principais benefícios da técnica CLaCS, segundo o Dr. Luis Fernando:

  • Menor número de sessões totais (vale lembrar que, na maior parte dos casos, mais do que 2 sessões serão necessárias);
  • É necessário repouso relativo (leve) somente no dia do procedimento em alguns casos;
  • Menos dor pela utilização do resfriamento da pele;
  • Em alguns casos o métodos CLaCs pode substituir uma cirurgia convencional;
  • A técnica trata não somente as veias das pernas, mas também os “vasinhos” do rosto;
  • Com as aplicações do laser, a necessidade do número de aplicações convencionais com agulhas na sessão é menor.

Leia também: Exame Ecodoppler: Entenda A Sua Importância No Diagnóstico De Varizes

Como essa técnica é realizada?

A técnica CLaCS é feita em consultório médico e deve ser realizada por um profissional especialista. O médico observará minuciosamente a área a ser tratada, utilizando um aparelho de realidade aumentada, que permite localizar as veias mais calibrosas e menos visíveis que “nutrem” os “vazinhos”.

O procedimento, que dispensa o uso de anestésico, é, então, iniciado, conforme explica o Dr Luis Fernando: “primeiro, aplicamos o laser no trajeto dos vasos, como ele tem uma afinidade até 30 vezes maior pelo sangue do que pelos outros tecidos ao redor, ele causa o aquecimento desse sangue e o edema da parede da veia, provocando o seu progressivo fechamento. Após o laser, aplicamos a injeção nos mesmos vasos, potencializando os resultados”.

Dr. Luis Fernando também nos explicou que a presença do ar resfriado que é disparado sobre a pele no momento em que o laser é aplicado reduz bastante a dor

e as chances de lesões térmicas na pele, provocadas pelo calor produzido.

A duração de cada sessão varia, em média, de 30 a 45 minutos. Todos os cuidados depois do procedimento são devidamente orientados pelo médico, mas o Dr. Luis Fernando já adianta: “O pós-procedimento é bem simples. Pedimos que o paciente não exponha a região tratada ao sol durante um período de duas semanas, protegendo a pele com protetor solar. É possível retornar às suas atividades normais rapidamente” – orienta o especialista.

Para quem é indicado esse tipo de tratamento?

O tratamento de varizes com o CLaCS permite tratar não apenas as microvarizes, mas também as veias doentes mais calibrosas. Portanto, é indicado para:

  • vasinhos (telangectasias), finas e avermelhadas;
  • veias arroxeadas, nutridoras e com diâmetros maiores.

O procedimento pode ter algumas contraindicações, por isso, a avaliação do angiologista antes de realizar o tratamento torna-se necessária.

Vale lembrar que, antes da realização do CLaCS, o médico levará em conta o histórico do paciente: “conforme suas necessidades e objetivos, o paciente será avaliado de forma individualizada para atingirmos os melhores resultados no tratamento”, ressalta o Dr. Luis Fernando.

Para obter mais informações sobre a técnica CLaCS e outros tratamentos disponíveis para varizes, entre em contato com o Centro Integrado de Angiologia, de Volta Redonda, que conta com profissionais de excelência no ramo da saúde vascular.

Sobre o Centro Integrado de Angiologia

O Centro Integrado de Angiologia (C.I.A) é uma clínica especializada em angiologia e cirurgia vascular, com foco na prevenção, diagnóstico e tratamento das doenças que acometem as veias, artérias e vasos linfáticos.

Corpo clínico:

Dr Luis Fernando Queiroz de Lima – Angiologia & Cirurgia Vascular
Dra Miryam Selma Oliveira Castro – Angiologia & Cirurgia Vascular
Dra Carla França Gonçalves – Angiologia & Cirurgia Vascular

Para obter mais informações ou entrar em contato com a clínica, acesse: http://bit.ly/2PTHbgh

CLaCS: Conheça O Método Menos Doloroso E Mais Eficaz Para Tratar Varizes
4.4 (87.5%) 8 vote[s]

Faça um comentário:

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu Nome